Quarta, 27 de janeiro de 2021
66 9 9962 4999
Cidades

26/11/2020 às 17h08

15

Jediel Ribeiro Lemes

TERRA DO NOVA DO NORTE / MT

Mãe e irmão confirmam participação do suspeito em assassinato de jornalista com três tiros na cabeça
A mãe e o irmão de um dos acusados de participar da morte do jornalista Ediney Menezes, 44 anos, com três tiros na cabeça, na noite do último dia 16, na cidade de Peixoto de Azevedo
Mãe e irmão confirmam participação do suspeito em assassinato de jornalista com três tiros na cabeça

A mãe e o irmão de um dos acusados de participar da morte do jornalista Ediney Menezes, 44 anos, com três tiros na cabeça, na noite do último dia 16, na cidade de Peixoto de Azevedo (795 km de Cuiabá), reconheceram que ele é um dos suspeitos que aparece nas imagens de câmeras de segurança.


A mãe e o irmão do suspeito foram interrogados pela Polícia Civil e o reconheceram o familiar como um dos participantes no homicídio.
 
Nesta quinta-feira (26), a Polícia Civil apreendeu duas motocicletas utilizadas no dia do crime e também as roupas que os suspeitos estavam usando quando foram feitos os disparos contra o jornalista, que estava parado dentro do carro.
 
Um homem, que não teve a identidade divulgada, foi preso por suspeita de participar da execução. De acordo com a Polícia Civil, o mandado de prisão foi cumprido na manhã desta quinta-feira (26) e não houve resistência por parte do acusado, que tem 23 anos.
 
A equipe de investigadores realizou outras diligências, sendo possível identificar três envolvidos no crime, que tiveram os mandados de prisão e busca e apreensão representados pelo delegado Edmundo Félix de Barros Filho.
 
As diligências estão em andamento para prender os outros dois suspeitos de envolvimento no crime. "Somente após a oitiva dos envolvidos será possível esclarecer a motivação do crime e se há outras pessoas ligadas ao fato", disse o delegado.
 
Ediney foi executado dentro de seu carro HB20, próximo à rua Itamar Dias, por dois suspeitos em uma motocicleta. Logo depois, eles fugiram.
 
Ediney estava trabalhando na campanha de reeleição do prefeito do município, Maurício Ferreira (PSD). Momentos antes de ser morto, ele havia comemorado a vitória do seu candidato.

FONTE: Olhar Direto

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Esporte local

Esporte local

Blog/coluna Tudo sobre o esporte local em um só lugar!
Facebook
Mais lidas
© Copyright 2021 :: Todos os direitos reservados